espanhol Inglês French German Italian Portuguese Russa

(Tradução automática)

Avaliação do comportamento mecânico de misturas de asfalto feita a temperaturas reduzidas

Rosana G. Marcozzi
Meios de Comunicação Engenheiro e Engenharia Civil
CIC pesquisador LEMIT
Formação Laboratório Multidisciplinar de Pesquisas Tecnológicas
Comissão de Investigação Científica da Província de Buenos Aires (Argentina)

Sumário
As temperaturas resultantes das viscosidades estabelecidos pelas normas da Argentina para a mistura e compactação de misturas de asfalto são muito elevados quando é asfaltos (a) polímero modificado asfalto ou qualquer (a) especial.

Certamente estas temperaturas elevadas afectam a qualidade do polímero e asfalto incorporados principalmente para (a) de base, precisamente teoricamente diminuir os benefícios associados com a incorporação de modificadores de asfalto. Como resultado, a tendência tem sido para encontrar maneiras de reduzir as temperaturas de trabalho quando estes asfaltos são utilizados. O objetivo deste estudo foi analisar se o uso de temperaturas mais baixas de fabricação envolvia necessariamente mau desempenho das misturas feitas com eles. Concluiu-se que uma diminuição da temperatura de operação dentro dos valores aceitáveis, não afecta significativamente as propriedades mecânicas analisadas.

Palavras chave
mistura de asfalto, betume, betume modificado propriedades mecânicas, asfalto, asfalto modificado.

Associação Espanhola de Estrada
Goya, 23 - 4º direito.
28001 - MADRID (Espanha)
Tel.: (34) 91 5779972
Fax: (34) 91 5766522
Email Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Seguimos em:

Os cookies nos permitem oferecer aos nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso de cookies. política de Ver