Espanhol Inglês Francês Alemão Italiano Português Russa

(Tradução automática)

A norma proposta desenvolvida pelo Comitê de Barreiras de segurança para motociclistas Relatório é aprovado como UNE

Ele conclui a primeira fase do trabalho do Comité Espanhol de Peritos sobre as barreiras de segurança para motocicletas

A norma proposta desenvolvida pelo Comité aprovado como UNE Relatório

O relatório, aprovado esta manhã pela Comissão AENOR a AEN / CTN135, define os métodos para avaliar o comportamento dos sistemas de protecção motoristas em barreiras de segurança e parapeitos

Depois de um período de seis meses alegações, o papel definitivamente adquirir o caráter de Norma

Madrid, Dezembro 10 2002.- Depois de quase dez meses de trabalho ininterrupto, o Comité de Peritos sobre as barreiras de segurança para motocicletas hoje foi recompensado pelos seus esforços: O "Equipamento para sinais de estrada" Comitê AEN / CTN135 da Associação Espanhola normalização e Certificação (AENOR), aprovado esta manhã, com a categoria de "Relatório UNE", a proposta desenvolvida durante esse tempo por este grupo de trabalho, o primeiro criado em nosso país com o objectivo de melhorar a segurança circulação de veículos de duas rodas.

Dentro de quinze dias e ao longo dos próximos seis meses, um período alega que o conteúdo do relatório, de modo que quaisquer instituições ou indivíduos podem apresentar as suas observações e contribuições para ele será aberto. Final desse período, o Relatório UNE e "avaliação do comportamento dos sistemas de protecção para motociclistas em barreiras de segurança e parapeitos" ser aprovado como UNE.

A partir deste ponto, o Comité de Peritos começa a segunda fase do seu trabalho, que também terá lugar entre Janeiro e Junho de 2003, que está realizando os testes de impacto para reproduzir lesões em grande escala sofridas por um motorista para colidir com uma barreira de segurança ou guardrail após um acidente.

A finalidade destes ensaios, em que já existe alguma experiência em outros países (França, por exemplo), é determinar os níveis mínimos de contenção deve apresentar o dispositivo para proteger a barreira de segurança para garantir que o choque de um motorista contra eles não resultará em qualquer caso, ferimentos graves, refletindo sempre a pior situação que possa surgir na realidade.

Seus resultados serão integrados na UNE relatório e será coberta, como na parte traseira padrão, um padrão cuja produção participou da Direcção Geral de Estradas do Ministério das Obras Públicas, o Departamento do Ministério do Interior de tráfego e as Direcções Gerais de Estradas das Comunidades Autónomas e Conselhos Provinciais, e que também pode ser referido nas especificações técnicas de qualquer administração com experiência em gestão de estradas.

O Relatório UNE "avaliação do comportamento dos sistemas de protecção para motociclistas em barreiras de segurança e parapeitos" é dividido em duas partes. No primeiro as condições gerais em que os testes estão a ser desenvolvidos são definidos, as características dos "manequins" (manequins que replicam anatomia humana) para ser usado nas mesmas e indicadores de risco de lesões na cabeça, pescoço ou no peito (as partes do corpo que são mais afetados quando um motorista colide com uma barreira de segurança).

A segunda parte descreve um lado, as peculiaridades dos lançamentos a serem feitas nos testes: trajetórias, velocidades, ângulos, pontos de impacto e a posição dos manequins no momento da colisão; e por outro lado, os níveis requeridos de protecção para os dispositivos de protecção para a colocação nas barreiras de segurança ou guarda-corpos para serem considerados adequados.

O Comité de Peritos espanhóis sobre as barreiras de segurança para motocicletas foi fundada em 20 fevereiro e, sob a presidência da Estrada Associação Espanhola (AEC), é composto por representantes das autoridades com jurisdição estradas (rodovias de Ministério das Obras públicas, Estradas DG das Comunidades Autónomas e Conselhos Provinciais, a DGT), fabricantes de barreiras e barreiras de proteção, laboratórios de ensaio, biomecânica, medicina e usuários.

Associação Espanhola de Estrada
Goya, 23 - 4º direito.
28001 - MADRID (Espanha)
Tel.: (34) 91 5779972
Email Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.

Seguimos em:

Os cookies nos permitem oferecer aos nossos serviços. Ao utilizar nossos serviços, você concorda com o uso de cookies. Consulte a política de cookies